Dicas para um trânsito seguro

DICAS PARA UM TRÂNSITO SEGURO - vertice-clinica-medicina-do-trabalho

Com certeza você, assim como todos nós, está preocupado e tomando as providências necessárias para se proteger da Covid-19.  Mas não podemos nos esquecer de que há outros riscos que não podemos nos descuidar, e um deles é o trânsito.

Todo mês de maio, são realizadas ações em todo o Brasil para conscientizar os motoristas sobre a importância e os cuidados com o trânsito, que no país é um fator preocupante, haja vista o grande número de vidas que são perdidas anualmente nas ruas e nas estradas brasileiras.

MORTES

Como estamos passando por momentos de restrição, por conta da quarentena, o número de acidentes tem diminuído, mas em épocas normais, uma média de 5 pessoas morrem por hora no Brasil, vítimas de acidentes de trânsito, segundo o CFM (Conselho Federal de Medicina).

E não podemos nos esquecer de que além das mortes, há um grande número de vítimas que sofrem graves sequelas. Em média, são 20 pessoas por hora que dão entrada em um hospital da rede de saúde vítimas de acidentes.

FALTA ATENÇÃO

Talvez você não saiba, mas a falta de atenção é um dos principais fatores para um acidente de trânsito – conforme tabela abaixo, seguido da desobediência à sinalização e ingestão de bebida alcóolica.

 

Diante disso, separamos para você 8 dicas para refletir sobre elas e compartilhar.

  1. Mantenha a revisão do seu carro em dia, principalmente aquelas relacionadas à suspensão, freios e estado dos pneus. Apesar de ser uma dica básica, os brasileiros parecem não levar isso a sério, pois só em 2019 foram mais de oito mil acidentes registrados por falta de manutenção.
  2. Você separa o dinheiro do pedágio enquanto dirige? Então adote a prática de fazer isso antes de pegar a estrada ou após parar na cabine.
  3. Falando nisso, faça tudo o que tiver que ser feito antes de sair com o veículo, como programar o Waze, escolher sua lista de músicas prediletas, etc.
  4. Durma sete a oito horas antes de pegar estrada – a falta de sono compromete os reflexos e o nosso tempo de reação  – isso sem contar o risco de dormir ao volante.
  5. Nunca superestime seu poder de reação. Mantenha SEMPRE uma distância segura do veículo à frente
  6. De todas as causas de acidentes, as ultrapassagens representam a infração com maior índice de gravidade. Portanto, nunca use o “eu acho que dá”. Se a faixa é dupla, respeite e só faça a ultrapassagem quando estiver certeza da segurança.
  7. Mais de 13 mil pessoas se envolveram em acidentes no ano passado por excesso de velocidade. Lembre-se de que por mais que você se “sinta seguro”, o tempo de reação diminui conforme a velocidade aumenta. E um buraco ou um animal cruzando a pista podem ser o suficiente para causar um acidente fatal.
  8. Quanto às bebidas você já sabe. O “só bebi um copo” é uma desculpa que não cola para a polícia em caso de fiscalização, e que não condizem com o que a ciência diz a respeito da combinação álcool e trânsito. Mesmo que você não se sinta embriagado, um simples copo de cerveja já altera os sentidos essenciais caso precise tomar alguma ação reativa no trânsito.

Se tiver dúvidas ou quer dar sugestões de assuntos entre em contato com a melhor clínica de medicina do trabalho de Marília e região!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *